segunda-feira, 4 de junho de 2012

Sempre Solitária.




FOTO:GOOGLE
 
 
A noite está em silencio...
Em meu ouvido apenas,
o sussurro do vento.
O coração apertado, encolhido.
Vontade de um choro repentino.
Estou bem, mas não entendo...
 
A alma está limpa! O espirito calmo.
O corpo descansado. A mente sã...
Mas esse silencio é de abandono.
 Saudades de um alguém importante
 que não percebe que me faz mal
estar assim, sozinha sentindo tua ausência.
A noite está em silêncio, me entende...
E, em comunhão com o vento,
juntos me fazem um acalento!
Sozinha, silencio, solidão...Abandono!"

(Rosa Azul)

17 comentários:

LORENA LEITTE disse...

solidão particular ,saudades de alguém que ninguém sabe quem!
gostei muito.adorei ler...
abraços

Yasmine Lemos disse...

Sempre o silêncio como conselheiro nessas horas tão nossas.
meu beijo Si!

wcastanheira disse...

Mais um vez gostei da pérola q vc entrega á suas visitas, _estou bem, mas não entendo...Achei um mimo seu desfecho poético, acho q merece bjos, bjos e bjosssssssssssss

Felisberto Junior disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Felisberto Junior disse...

Olá!Boa tarde!
Tudo bem?
amiganja...
...sozinho em silêncio, anunciam apenas que a solidão vem...
Grito para afastar a solidão, mas ele volta sempre... Eu tento rir para afastar o desespero do abandono mas ele invade-me. Eu estou preso dentro de um mundo que ora vem ora fica, eu odeio estar sozinho,em silencio,sentindo solidão e abandono...odeio estes sonhos que eu sei que nunca passarão disto. Eu nunca disse a ninguém os meus mais profundos desejos, nunca os escrevi sequer no papel, nunca os deixei escapar por palavras.Não é uma escolha...porque a noite rapidamente vai, como levemente fica.
As sombras rodeiam-me, são os vultos dos meus desejos perdidos...
Boa terça!
Beijos
..obrigado pelo carinho, viu?

vieira calado disse...

Não conhecia o blog.

Parabéns!

edumanes disse...

Esse seu modo suave
De poemas escrever
Voando feliz como ave
Que a paz nos vem trazer!

Voa e voa sem se cansar
O amor não esconder
Nos seus braços vai pousar
Para feliz continua a viver!

Continuação de boa semana para você,amiga Simone MartinS2,
um abração
Eduardo.

Anne Lieri disse...

Simone,sempre lindas suas poesias!Esse coração que abre para nós é só amor e verdade!Adorei a musica do Jesse tb!A solidão machuca,mas passa!Bjs e obrigada pelo seu comentario no meu blog,menina voadora maluquinha!...rss...bjs,

Marcos de Sousa disse...

Nem sempre a solidão é ruim. Ela serve para nos encontrarmos.

Beijo

Carla Fernanda disse...

Fixeu uma frase: mente sã!!!!!!
Isso é tudo!!!!

Beijos Si!!

Eu! Leilinha disse...

Parabéns preciosa!
Seus textos são lindos, adorei o que li.
Grande beijo
Eu!Leilinha

Flavio Ribeiro disse...

Ola Simone,

Creio que quando sentimos essa solidão de alguém que não sabemos ao certo quem é, é porque existe algo que foge a nossa atual compreensão e que pode estar próximo de ocorrer um "reencontro". Acho assim, sei lá...

Ficou muito legal, principalmente o final viu?

Abraços, Flávio.
--> Blog Telinha Crítica <--

Filha do Rei disse...

Oi! Que lindo texto, cheio de delicadeza,sensibilidade.Bjs

Sonhadora disse...

Minha querida

É sempre intenso ler a tua alma...lindo poema.

Um beijinho com carinho
Sonhadora

Artes e escritas disse...

Atividades combatem esta espécie de solidão, que tal caminhar, pedalar, se mexer e se ativar? Um abraço, Yayá.

Delano Alexandria disse...

Grande Simone,

As vezes nos sentimos assim, tão fracos com a vida e sempre querendo coisas que as vezes para nós é impossível, mas temos que manter Fé na vida porque, as coisas podem mudar nu piscar de olhos.

Muita Fé coragem pra ti amiga amada!


Beijosss

Delano Alexandria

Blog da Titia disse...

Negona eu tava com tanta saudade de ti. Dá um chega pra lá nesta cambada de ciumentos e faça posts belíssimos pra nós. Me fala com o faço pra adquirir o Rosa Azul, por-fa-vor!!! Vou deitar na rede e devorar em minutos e levantar com a lama cheia de sentimentos maravilhosos.
Mil xeros pra ti e uma semana maravilhoooosa. TE AMODORO!!!