sábado, 15 de novembro de 2014

Nao me falta nada...


Foto: Google

 
Quando você não me quiser mais...
E pedir que me afaste de você.
Sera que ainda assim, existirei dentro
do seu coração??
Quando você não rir mais das minhas gracinhas,
e pedir que eu fique em silencio...
Sera que ainda assim, poderei sussurrar
em pensamento?
Quando lembrar de você cantando,
musicas do nosso cotidiano...
 Sera que ainda farão parte de nossa vida?
Essas velhas e antigas melodias...
Quando vejo você no quarto chorando,
sem motivos, apenas chorando.
E, me pede para sair, fechar a porta...
Sera que um dia, deixara eu entrar de novo
e enxugar suas lagrimas??
Bastaria um toque meu em você...
Deita-la em meu colo, acariciar teus cabelos,
tenho certeza de que você se acalmaria...
E, de novo, quem sabe, me aceitaria!
Te amo de uma forma incomum,
sem nenhuma explicaçao...
Dizendo isso ao pe do seu ouvido,
sera que, de novo, me aceitaria?
Te Amo pelo simples fato
de voce um dia ter existido...
Ter me Amado...Me olhado de fato!
Um simples gesto seu, pedindo...
Fique aqui, nao se va!
Me sentiria vivo...Ficaria feliz!
Saberia que, nao me falta nada...

(Rosa Azul)
 
 


Um comentário:

José María Souza Costa disse...

Olá.
Bom dia de domingo.

Tudo vale apena, quando imaginamos que o amor vale apena.
Amei o teu texto.
Parabéns, mesmo.