sábado, 21 de fevereiro de 2015

Sem saída, mas ainda com Vida!


FOTO: GOOGLE

Estranho lugar cercado, fechado.
Tudo se move no nada...
Natureza morta, engaiolada!
E, como se não respirasse mais,
 nada do que se foi...voltará.
Tudo acabou, se foi, sem retorno...
Feche os olhos para o passado,
olhe e siga em frente.
Eu sou mais eu,
você ficou preso la atrás...
Não te vejo e você não me vê.
O caminho já não e tao árduo,
mas te deixa assim, capaz.
Agora, você sabe, fez tuas escolhas,
nada mais me prende a você!
Nem os laços de sangue,
nem as linhas mal traçadas
no papel brilhante...
Nem os versos de que te falei.
Nossos caminhos mudaram,
cada qual escolheu o seu.
Mão única sem volta...
Nada prometido,
mas tudo bem solucionado.
Estou no controle de minha vida,
mas o controle perdi nas escolhas
das ilusões perdidas.
Eu sei bem o que quero pra mim,
mas jamais direi o que quero de você.
O destino talvez seja cruel,
como cruel fui, quando desisti de você!

-Rosa Azul-

6 comentários:

Roselia Bezerra disse...

Olá, querida Simone
Há casos que mão única sem volta é inevitável...
Bjm quaresmal

Paulo Francisco disse...

Se há vida, há esperança.
beijogrande

Misturação - Ana Karla disse...

Oi Simone!
Como sempre, inspirada.
Xeros

Maria Luisa Adães disse...

Desistiu
e me parece que nada ficou.

Um dia, vai encontrar o melhor para si
e se admirar e pensar...

Nas mudanças da vida
que trazem coisas menos boas
e por vezes surpresas, do melhor
a esperar!

Maria luísa

"os7degraus"

Sonia Amorim Neto disse...

O importante é seguir em frente e sair desse aprisionamento, boa tarde, beijos

Evanir disse...

Querida Amiga.Sinto muitas saudades de vc ainda estou com meu blog ,mas até quando eu não sei.
Muitas pessoas que eu amava abandonou seus blogs.
Hoje perdeu o encanto e a magia daquele tempo.
Um beijo feliz final de semana.
Evanir.